HomeBlogMERCADO DE TRABALHO ▸ Curso técnico de segurança do trabalho: por que fazer?
Login na Biblioteca Virtual

Curso técnico de segurança do trabalho: por que fazer?

28/02/2018 | Categoria: MERCADO DE TRABALHO
Atualmente, muitas empresas afirmam que emprego existe para profissionais capacitados, e cabe a todos buscar a qualificação contínua. Seguindo esta linha de pensamento temos a área da segurança do trabalho. O campo tem se tornado atrativo para profissionais das mais diversas graduações estimulando o crescimento da procura pelo curso técnico de segurança do trabalho.
 
Essa expansão do mercado dos técnicos em segurança do trabalho se deu também através da maior fiscalização das normas e leis trabalhistas.

De acordo com a NR4 do Ministério do Trabalho, as empresas privadas e públicas, que possuam empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho - CLT devem manter obrigatoriamente, serviços especializados em engenharia de segurança e em medicina do trabalho.

Essa ação tem a finalidade de promover a saúde e proteger a integridade do trabalhador no local de trabalho.
 

O curso técnico de segurança do trabalho

 
O curso visa qualificar os profissionais para organizar programas de segurança e preservação física dos funcionários em empresas, construções e instalações industriais.
 
Outros atributos dos técnicos em segurança do trabalho são: a inspeção de equipamentos e condições de trabalho e investigação e análise das causas de acidentes que visam eliminar riscos.
 
Essas ações colaboram para o desenvolvimento de programas de treinamento e verificação do cumprimento das normas e procedimentos de segurança, assim como na aplicação de providências preventivas.

curso técnico de segurança do trabalho

O perfil dos técnicos em segurança do trabalho
 

Os técnicos em segurança do trabalho devem ser proativos e ter visão estratégica para atuar preventivamente, evitando, assim, acidentes no ambiente de trabalho.  

É imprescindível para o bom desempenho de suas funções que este profissional conheça a cultura e o processo da empresa em que trabalha. A falta de informações pode prejudicar a elaboração de relatórios, a gestão e as análises de riscos em longo prazo dentro da cadeia de serviços.
 
Outro atributo importante, e que deve fazer parte das qualidades observadas no perfil dos técnicos em segurança do trabalho, é a comunicação. Ela deve ocorrer dentro do ambiente de trabalho de forma prática e eficiente, e estar presente em todas as fases do processo.

Essa atividade auxiliará os técnicos em segurança do trabalho em várias etapas do planejamento, implantação, manutenção e correta aplicação das normas de segurança no trabalho.
 
Essa é uma das profissões que vêm ganhando destaque nos últimos anos. Quer mais dicas de profissões? Leia também o post sobre as dez profissões do futuro ou descubra as novas possibilidades do mercado de trabalho em Maringá.
 


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

RECOMENDAMOS TAMBÉM

A importância da pós-graduação em Cultura Afro-Brasileira na educação infantil
25/04/2018
Graduação: o que avaliar na hora de escolher cursos em Maringá?
19/02/2018

Cadastre-se em nossa newsletter

◄ Cadastro efetuado com sucesso!

TOP 5 POSTS

3 maneiras de concluir o Ensino Médio
05/09/2017
Metodologia Ativa ou Passiva: qual traz mais benefícios?
13/03/2017
Gestão Financeira ou Gestão de RH: qual escolher?
18/09/2017
Ensino Médio: saiba quais as oportunidades que ele oferece
17/03/2017
Produtos de alto valor agregado
03/05/2017

Redes sociais

Contato

Unidade Maringá

44 4007-1912
Av. João Paulino Vieira Filho, 729

Unidade Umuarama

44 3626-2480
Praça Arthur Thomas, 4139.

Vamos Conversar

Todos os direitos reservados